Equipes em Revista

Equipes em Revista

Nesta peça misturamos linguagens de interpretação e narrativa. Os atores narram situações e curiosidades sobre os temas, e apresentam esquetes que demonstrem o assunto abordado.
A primeira esquete valoriza a equipe, a satisfação do cliente, a integração no trabalho, e quais as influências, e o que causam no ambiente de trabalho. São três figuras distintas que participam de uma linha de produção lúdica, de uma fábrica imaginária, porém eles não se comunicam entre si, e funcionam automaticamente, cada um desempenha uma etapa do processo. Até que um deles se distrai, e começa a sonhar acordado. Resultado o processo emperra. Daí eles descobrem que só com a colaboração de todos, conseguirão cumprir sua meta de trabalho, para isso precisam da integração da plateia ao processo, e assim garantem o sucesso da equipe.
Na segunda esquete mexemos com a valorização dos membros de uma equipe, o reconhecimento do valor individual de cada um e a integração harmônica do grupo. Satirizando a situação de um ator falido, que resiste em reconhecer que precisa de cada membro de sua equipe, como o diretor, o iluminador, o sonoplasta, etc. E que também não se importa com o retorno do seu "cliente", o público em si. Para ele os componentes do grupo são apenas subalternos. E a plateia, "bem aventurados", que tiveram o privilégio de degustar tão raro talento, o dele mesmo. Enfim, como a vaidade e o ego podem prejudicar o bom relacionamento de uma equipe, e comprometer a sua produtividade.
E na terceira, uma dupla de cozinheiros siameses vão procurar uma vaga em um restaurante chic, e dão um show de marketing pessoal. Demonstrando as grandes vantagens em tê-los como chefs do lugar. Nesta cena procuramos mostrar a importância da integração de todos, sem qualquer tipo de distinção ou discriminação. E também procuramos valorizar as diferentes habilidades de cada um. Como um gestor pode contribuir com o desenvolvimento dos talentos individuais, em prol das metas da equipe, e como esta troca pode gerar satisfação ao cliente final.

Vídeos